Conversinhas

Manifesto Gordelícias

Manifesto Gordelícias

O blog já mudou bastante desde o seu surgimento. Pra quem não sabe, ele começou como uma brincadeira entre amigas, um blog sem nenhuma pretensão de se profissionalizar, formar opinião, cagar regra, nada disso. Era apenas um espaço no WordPress onde eu e mais duas amigas postávamos o que a gente achava legal no universo gastronômico. Quando escolhemos o nome, veio na nossa cabeça o “gordelícias” pois eu e uma das meninas trabalhávamos juntas e em cada almoço – que era bem variado – rolava o comentário “isso aqui tá uma gordelícia só”.

Nesses quase cinco anos, o blog cresceu. Quem já nos acompanha há algum tempo, sabe disso. O que era apenas um “clipping” descontraído passou a ser um espaço cada vez mais autoral. As curiosidades sobre o mundo gastronômico cederam lugar a receitas feitas por mim e pelas colaboradoras que já passaram pelo blog. Pratos feitos para almoços de família ou para um jantar solitário mesmo, um almoço corrido no meio da semana. Ingredientes comprados e escolhidos por nós. Pratos feitos e fotografados por nós. Ao longo dos anos, foram pintando parcerias e convites para conhecer produtos e restaurantes e isso é muito legal quando você mergulha em um universo que nunca foi seu, de verdade. O incentivo a continuar descobrindo um assunto que nunca se esgotará. Sempre haverá mais coisas para aprendermos.

Cresci em um lar onde minha avó sempre cozinhou, por necessidade. Para alimentar os filhos, os netos. Comida honesta, feita com carinho. Comida de vó. Coisas que ela aprendeu sozinha. Minha mãe nunca foi apaixonada por cozinha, apesar de ter trabalhado anos de sua vida em uma, no hospital como nutricionista. Acho que isso deve ter feito com que ela não curtisse tanto cozinhar por hobby. E eu só fui ter, de fato, uma vivência maior entre as panelas depois que o blog surgiu. Fui me apaixonando pela infinidade de sabores, pela riqueza e diversidade dos alimentos. Qual é o sabor de determinado produto? E tal prato? Qual é a história dele? Quem decidiu que tal coisa é boa com aquela outra coisa? Dizem que as maiores paixões acontecem assim, do nada, bastando apenas um estopim.

Nunca imaginei que hoje dedicaria tantas horas da minha vida à cozinha e ao blog. Unicamente por amor. Não trabalho com gastronomia, tampouco me sustento com o blog. Produzo cada post que vocês leem aqui porque me sinto muito feliz comigo mesma quando vejo toda a alquimia da culinária acontecer diante do meu nariz. Ao redigir um post, não penso nos views que o blog vai ter mas consigo visualizar pessoas em suas cozinhas tentando fazer também. Ou aprendendo alguma coisa nova. Se inspirando. “Raquel, adaptei a sua receita e ficou ótima”. É ISSO! Um grande remix, mais alquimia rolando por casas e mais casas. E é essa a filosofia do Gordelícias: não importa se é calórico demais; se é light; se tem bacon ou granola. Tem glúten? Legal! Não tem? Legal também! Se é gostoso, a gente faz. Se é gostoso, é gordelícia! 🙂

Esse é um blog escrito por uma carnívora e uma vegetariana. Duas pessoas que vivem de suas profissões, que nada tem a ver com culinária. Duas pessoas que AMAM comer bem. Amam ler sobre gastronomia, escolher ingredientes, preparar receitas seja para devorar em um dia tenso de trabalho ou convidando amigos para um jantar. Aqui, você vai encontrar friturinha mas também vai encontrar saladinha verde. Só não vai aparecer por aqui comida sem sabor. Comida que não curtimos. De resto, vai ter de tudo. Vai ter jiló frito, se ficar gostoso. Vai ter bolo com fonte de nutella cremosa jorrando. Vai ter grão de bico. Espinafre. Vai ter o que a gente quiser. Porque culinária é, acima de tudo, democracia. É liberdade para mesclar tomilho com carne moída se você tiver vontade. E se você achar que tá bom, tá bom! Quem manda na sua cozinha é apenas você e o seu coração.

Somos a favor de uma alimentação livre, com moderação por conta da saúde, acima de tudo. Somos duas mulheres que amam comer e que são felizes comendo sorvete com caramelo & bolo integral. Porque é tudo comida. Só não aparece aqui no blog o que a gente não gosta de comer.

Beijo, Raquel Arellano e Raquel Loback.

Manifesto Gordelícias

Fotos por Carolina Vianna.

Raquel Arellano

Fã de cozinha prática e feita com amor. É apaixonada por maionese, pão com ovo e carne assada. Na cozinha, se aventura pelos doces e salgados, com uma leve queda para os açúcares da vida.
Raquel Arellano

Últimos posts por Raquel Arellano (exibir todos)