Bolo de Morango e Chantilly

Quando pensei na receita para celebrar os 10 anos do Raquelícias, busquei meus sabores favoritos. Lembrei de um bolo clássico, de uma confeitaria das antigas, que consiste basicamente em bolo branco, morangos e chantilly. Estava determinada a fazer um bolo recheado, não muito doce, fofinho, saboroso e bonito. E assim nasceu esse Bolo de Morango e Chantilly.

Não sou confeiteira, tampouco cozinheira profissional, que domina as técnicas e manja super dos paranauês. Mas com as referências em mente, fui atrás das informações todas e, assim, cheguei na receita desse bolo. O recheio de creme de confeiteiro com morangos casou perfeitamente com a massa tipo pão de ló, que eu poderia ter deixado um pouco mais alta em uma das formas para, de repente, cortar e fazer uma terceira camada. Mas tudo bem, também. Na próxima eu experimento…

siga Raquelícias nas redes sociais

Instagram | Facebook | YouTube | Pinterest | Grupo Facebook

Para deixar o bolo molhadinho, uma boa calda é fundamental e aqui dei meu toque especial com Cointreau mas você, obviamente, pode usar apenas água e açúcar.

Para o chantilly, fiz o famoso “chantininho”, que é um pouco mais firme que o chantilly tradicional e segura mais o tranco em lugares mais quentes (aqui no Rio é inverno mas parece que estamos no verão, coisa esquisita). Não gosto muito de usar mistura pronta de chantilly mas, em plena pandemia, a gente joga com o que tem (nesse caso, foi o que encontrei no mercado).

As medidas da receita estão em gramas e também em colheres. Se alguém tiver dúvidas na conversão, é só clicar aqui.

Bolo de Morango e Chantilly :: receita completa no Raquelícias

Bolo de Morango com Chantilly

Tempo de Preparo 1 hour 30 minutes
Tempo de Cozimento 35 minutes
Porções 8 fatias
Autor Raquel Arellano

Ingredientes

Creme de Confeiteiro

  • 4 gemas
  • 80 gramas açúcar refinado
  • 40 gramas amido de milho
  • 500 ml leite integral
  • 1 fava baunilha OU 1 col chá extrato/essência de baunilha

Massa

  • 3 ovos
  • 200 gramas açúcar
  • 1 colher de chá extrato de baunilha
  • 1 pitada sal
  • 250 gramas farinha de trigo
  • 125 ml leite morno
  • 1 colher de sopa fermento em pó

Calda para bolos

  • 200 ml água filtrada
  • 1 + 1/2 colher de sopa açúcar refinado
  • 1 colher de chá Cointreau (opcional)

Chantininho

  • 200 ml mistura para chantilly
  • 30 gramas leite em pó
  • 70 gramas leite condensado

Recheio e cobertura

  • 200 gramas morango fresco, fatiado
  • frutas vermelhas em geral (amora, framboesa, mirtilo, cerejas…)
  • folhas de hortelã

Modo de Preparo

Creme de Confeiteiro

  1. Separe as claras das gemas. Em uma panela, com o fogo desligado, passe as gemas pela peneira, deixando que caiam naturalmente, sem esfregar. Queremos separar aquela película que envolve as gemas.

  2. Adicione o açúcar e misture bem. Em seguida, acrescente o amido de milho e misture, até dissolver.

  3. Junte o leite e misture bem. Leve ao fogo sempre baixo e mexa continuamente, com um batedor de arame. Acrescente as sementes de fava de baunilha ou o extrato de baunilha. E mexa até dar ponto.

  4. Para saber se o creme deu ponto, mergulhe uma colher e passe o dedo nas costas dela. Se não escorrer, tá pronto.

  5. Despeje o creme em uma tigela e cubra com plástico filme, pra que o creme não resseque. Geladeira por 1h.

Massa

  1. Pré aqueça o forno a 180 graus. Unte e enfarinhe duas assadeiras de 20 centímetros de diametrô. Se tiver apenas uma, seu bolo ficará mais alto e depois é só cortar em quantas partes preferir.

  2. Em uma batedeira, velocidade alta, bata os ovos até triplicarem de volume (mais ou menos uns 5 a 8 minutos).

  3. Reduza a velocidade e acrescente o açúcar e o extrato de baunilha. Continue batendo.

  4. Com a velocidade mais baixa, junte a farinha de trigo e a pitada de sal, apenas para misturar.

  5. Acrescente o leite, aos poucos. Desligue a batedeira. Acrescente o fermento e misture delicadamente, com um fouet.

  6. Despeje a massa nas assadeiras e asse por 35 minutos, fazendo o teste do palito. Saiu sequinho, tá pronto.

  7. Desenforme os bolos quando estiver morno. Quando estiverem frios, você pode cortar a casquinha, deixando ele peladinho.

Calda

  1. Em uma panela, misture a água, o açúcar e o Cointreau. Mexa em fogo baixo, até dissolver o açúcar. Reserve.

Chantininho

  1. Na batedeira, em velocidade alta, bata a mistura para chantilly, que precisa estar BEM gelada.

  2. Quando atingir o ponto de chantilly, desligue a batedeira e junte o leite em pó com o leite condensado. Bata em velocidade média, até misturar. Reserve o creme na geladeira.

Montagem do bolo

  1. No prato de servir, posicione a primeira camada de bolo e umedeça o mesmo com a calda. Use um pincel e vá molhado delicadamente o bolo. Não queremos encharcá-lo, tá?

  2. Passe uma generosa camada de creme de confeiteiro e coloque os morangos cortados (fatiei um pouco mais grosso, pra sentir mais a fruta). Cubra com uma camada de creme, mais fina e coloque a outra camada de bolo por cima.

  3. Regue o bolo com a calda. Agora vamos cobrir com o chantininho. Como queria um aspecto mais rústico, espatulei o suficiente pra não ficar uma camada muito grossa de creme. Passei nas laterais e no topo.

  4. Finalize com as frutas vermelhas por cima, do jeito que preferir.

Para decorar o seu Bolo de Morango e Chantilly, pode usar só morango, visto que é mais difícil encontra frutas vermelhas e, quando as encontramos, custam o olho da cara. Eu acabei comprando framboesas e amoras porque esse bolo merecia um investimento, afinal 10 anos, mas não é obrigatório, tá? Se não encontrar hortelã, pode trocar por manjericão, folhas maiores, fica lindo também.

Quem curtir, pode polvilhar um pouco de açúcar de confeiteiro sobre as frutinhas também.

Fez alguma receita aqui do blog? Compartilhe nas redes sociais usando a hashtag #raquelícias ou marque o nosso perfil @raquelicias em seu post.

What's your reaction?

2 Comments

Leave a comment

Avaliação da Receita




Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.