Conheça a Junta Local

Aproveitei o domingo ensolarado aqui no Rio para conhecer um projeto que todo mundo comentava comigo. “Raquel, você vai adorar a Junta Local”. Desde então, vinha me organizando para comparecer à próxima edição da Junta Local e acabei dando um pulo na que rolou ontem (03/05) no espaço Comuna, em Botafogo.

A Junta Local nada mais é do que um encontro entre produtores locais selecionados e consumidores. Todos engajados em oferecer/consumir produtos de qualidade a um preço digno e justo. Nem todos os produtores são rurais, há muita gente que vive na própria cidade ou cidades vizinhas mas que produz em pequena escala, com a promessa da entrega de um produto mais saboroso e livre de conservantes.

Junta Local | Gordelícias

Uma das coisas mais legais: poder conversar e conhecer melhor a origem de cada produto e, mais do que isso, trocar uma ideia com quem está por trás daquele negócio. Acho isso tão incrível, sabe? Ouvir histórias, processos criativos, esforços para oferecer um produto cada vez melhor. Sem falar que não estamos falando de empresas com visão apenas lucrativa mas gente que enxerga o alimento com um olhar maravilhoso. Parece papo hippie, né? Mas não é. Já pensaram na responsabilidade que temos sobre o assunto? Pois é!

Comida produzida localmente é mais gostosa e saudável, pois ela chega até você mais fresca, obedece à sazonalidade e não requer processamentos ou aditivos para fazer o produto “viajar mais longe” ou durar mais na prateleira. A comida local tem o sabor e o jeito de quem a produziu e não o gosto de laboratório.

Toda essa conversa, aliás, me lembrou um episódio do maravilhoso Chef’s Table, série disponível na Netflix, que reúne chefs reconhecidos internacionalmente e que expõem em 50 minutos suas motivações e histórias em torno da gastronomia. Um desses chefs, Dan Barber, levanta a bandeira do consumo consciente e ético. Aliás, semana que vem vou falar dessa série incrível aqui no blog.

Há duas opções de consumir os produtos oferecidos pela Junta Local. Você pode comparecer aos eventos e fazer a sua “feira” (chegue cedo para garantir as melhores ofertas) ou então adquira alguns produtos pela Sacola Virtual (uma espécie de “reserva” de produtos que muitas vezes não estão expostos nos eventos mas que são oferecidos para retirada no local). Eu garanti alguns itens bem deliciosos dessa maneira e achei tudo bem organizado.

A cada edição, diferentes expositores oferecem seus produtos. Achei os preços em conta, considerando que são produtos orgânicos e feitos por pequenos produtores. Trouxe pra casa algumas conservas, pães e mel. Na próxima edição quero ir com mais calma e chegar mais cedo.

Vale a visita para conhecer novos produtores e também participar de forma ativa de uma relação que só tende a crescer, afinal também somos responsáveis por um consumo cada vez mais consciente e ético.

Captura de Tela 2015-05-04 às 14.46.39

Para saber mais >> www.juntalocal.com.

What's your reaction?