Biltongs, Koeksisters, Vetkoek e outras delícias da gastronomia Sul-Africana

gordelicias-koeksisters-placa

Mês passado realizei o sonho de conhecer a África do Sul, após ser convidada pelo Cape Town Tourism (Organização de turismo da Cidade do Cabo) para fazer parte da campanha internacional #lovecapetown por causa do Follow the Colours (aqui eu explico tudo). O intuito era conhecer a cidade e contar toda a minha experiência online: passeios, lugares, hotéis, e claro, a gastronomia.

Posso dizer que embarquei para a África com o coração e a mente aberta. Não sabia o que esperar. Mas, o resultado final foi incrível. Comi em um dos melhores restaurantes da África, pude experimentar uma refeição toda baseada em sorvete (que logo mais contarei aqui) e encarei (e me supreendi) até com a comida local de Langa, uma township – como são chamadas as favelas sul-africanas.

Tive uma experiência e tanto. Estava disposta a toda e qualquer novidade, sem preconceito. Adorei a explosão de sabores da culinária local: tudo apimentado e ao mesmo tempo doce por conta da descendência Cape Malay (mistura de sabores tradicionais locais advindos da África, Índia, Sri Lanka, Malásia e Indonésia, dos povos que ali se estabeleceram muito antes do apartheid).

Palavras como biltongs, koeksisters, vetkoek, smileys foram alguns dos nomes que me fizeram me apaixonar pelo país, com todos os seus contrastes. Hoje então, resolvi contar um pouco dos pratos que experimentei, já que realmente me encantei pelo lugar.

—-

Se gosta de carne, saiba que a África é o lugar perfeito para isso. Conheci os biltongs no primeiro dia de viagem e desde então eles me acompanharam até o último. Famosos, são feitas de carne seca de vaca, defumada e fatiada, com um tempero que leva pimenta, sal, vinagre, açúcar e salsinha. Biltong é paixão nacional e você encontra para comprar em todo lugar. Até quem não é tão fã do petisco, acabou se rendendo (eu!).

gordelicias-biltong
Vai um biltong aí?

Participei de um verdadeiro churrasco sul-africano e posso dizer que é bem parecido com o do Brasil, só faltou a picanha! Chamado de braai, a única diferença é que ao invés de muita cerveja, eles bebem MUITO vinho o tempo todo. Sim, até em churrasco. Cheguei a conclusão que bebem mais vinho na África do que água. No meu prato, salada com ricota e tomates doces, batatas ao forno, espetinho de frango com pimentão e milho na churrasqueira. Delícia!

gordelicias-braai
Braai: prato típico de um churrasco sul-africano.

Esses pratos fizeram parte do almoço na vinícula de Groote Post em Darling Hills. O restaurante da vinícula é o único de toda a África do Sul a ser nominado pela Eat Out em 2013 como o melhor bistrô e melhor restaurante country-style na região. A cada prato, uma bebida diferente produzida em Groote Post (vinhos e espumantes) era servida para experimentação junto aos pratos. Os cogumelos colhidos no local viraram parte da bruschetta com presunto parma e um delicioso quiche de entrada. Como prato principal, carneiro com pimentões, batata e legumes. De sobremesa, torta amanteigada de creme com calda de maracujá e sorvete com lascas de amêndoas. Preciso dizer mais alguma coisa?

gordelicias-grootepost-2
Groote Post: cogumelos colhidos no local
gordelicias-grootepost3
Bruschettas de presunto parma com cogumelos e salada.
gordelicias-grootepost4
Quiche de cogumelos
gordelicias-grootepost-01
Carneiro com pimentões, batata e legumes.
gordelicias-grootepost5
Torta amanteigada de creme com calda de maracujá e sorvete com lascas de amêndoas

Uma das coisas que mais gostei de conhecer foi o Vetkoek ou Amagwinya (que pode-se traduzir literalmente por bolo gordo – receita aqui) na township/favela de Langa. Langa é uma das raras townships consideradas pacíficas, e por isso atrai muitos turistas. Imagine um pão frito crocante por fora e macio por dentro? Bom demais! Eles podem ser comidos puro (assim como eu fiz), acompanharem as refeições e até serem recheados. Nada melhor do que comprar um saco cheio para forrar o estômago antes de conhecer o que era Xhosa Smiley.

gordelicias-vetkoek
Vetkoek ou Amagwinya – pão frito.

Xhosa Smiley. As Smileys são bochechas de carneiro cozidas, iguaria da tribo dos Xhosas, um grupo étnico sul-africano. O prato é bem famoso nas favelas e pude conhecer em Langa também, assim como o vetkoek. São feitos pelas mulheres descendentes da tribo, que as cozinham a céu aberto e no meio de lixos e carvão. Uma das cenas mais impressionantes da viagem. Não vou esquecer o monte de cabeças que vi e não, esse não tive coragem.

gordelicias-langa-smileys
Langa: bem atrás da senhora na imagem, as cabeças de ovelha estão esperando para serem preparadas.

Ao continuar pelo tour em Langa, almoçamos no Lelapa, um restaurante local que oferece a township Cuisine. Lá, pude experimentar pratos como o amagwinya/vetkoek, strogonofe de avestruz, chakalaka – molho bem apimentado e doce feito com legumes, purê de batata, cenoura e abóbora adocicados acompanhado de frango frito e muitos outros vegetais com tempero típico. A primeira refeição 100% sul-africana como manda a tradição! A senhora dona do local, chamada de Mama é uma atração a parte! Comida deliciosa!

gordelicias-le-lapa3

gordelicias-le-lapa
Langa Township Cuisine: Mama Le Lapa
gordelicias-le-lapa-2
Amagwinya/Vetkoek – pão frito. Uma delícia!
gordelicias-le-lapa1
Duvido que não deu vontade! Le Lapa

Por fim, conheça as Koeksisters, um tipo de “donut” sul-africano. As koeksisters são fritas e depois embebidas em um xarope de açúcar. Algumas podem levar coco rolado por fora. Experimentei acompanhando uma bela xícara de café. A versão Camp Malay (a que comi) é mais redonda e com coco por fora. A versão africana é bem mais doce, não leva coco e possui a massa trançada. Na receita, pó de canela, anis, cardamomo e gengibre. Confort food!

gordelicias-1-koeksisters

gordelicias-koeksisters

Gostou? Prometo que logo eu conto mais! Espero que eu tenha conseguido traduzir um pouco do amor que hoje tenho pela diversidade desse país!

Imagens por Carol T. Moré/Follow the Colours. Vetkoek por Mandy Frielinghaus e Smileys por .

A viagem e os posts sobre Cape Town são resultados da campanha #LoveCapeTown, uma colaboração entre iambassador e Cape Town Tourism. Carol T. Moré/Gordelícias possui total controle editorial sobre o conteúdo publicado neste blog.”

What's your reaction?