Arroz à Piamontese. Receita completa em http://gordelicias.biz.
Como Fazer, Vegetariano

Arroz à Piamontese

Tenho muito carinho por algumas receitas, principalmente as que habitam as minhas memórias, principalmente as de infância. Quando pequena, era vizinha de uma família cuja matriarca cozinhava demais da conta. Bolos, salgados, tudo. Ela gostava de cozinhar. Volta e meia, um dos filhos – que era mais ou menos da minha idade – falava de arroz à piamontese. Guardei o nome e provavelmente pedi prar minha mãe fazer, mas acabou não rolando e eu deixei pra lá.

Um belo dia, já grandinha, fui ao La Mole, restaurante famoso aqui do Rio, que serve o tal arroz acompanhando de medalhão de carne. Aí eu entendi a magia desse arroz. Ele é cremoso, com sabor suave de queijo, e que fica perfeito quando você compartilha o prato com alguma carne cheia de molho. É como se o molho abraçasse o arroz e uma magia acontecesse diante dos seus olhos e estômago. Uma alegria, sabe?

Nunca tinha parado pra fazer arroz à piamontese. Mil perdões, deuses da gastronomia. Tá pago, viu? Receita rápida, simples e que cai bem num domingo, segunda, terça…

Arroz à Piamontese. Receita completa em http://gordelicias.biz.

Print

Arroz à Piamontese

Tempo de Preparo 20 minutos
Tempo de Cozimento 15 minutos
Tempo Total 35 minutos
Porções 4 porções

Ingredientes

  • 1 xícara de arroz branco cru
  • 1 colher de chá de óleo
  • 1/2 cebola picadinha
  • 2 dentes de alho picadinhos
  • 2 xícaras de água fervente
  • 2 e 1/2 xícaras leite integral
  • 200 gramas queijo muçarela
  • 50 gramas queijo parmesão
  • 1/2 colher de chá noz moscada em pó
  • 200 gramas creme de leite
  • sal a gosto

Modo de Preparo

  1. Primeiramente, vamos fazer o arroz. Em uma panela, refogue a cebola no óleo e depois acrescente o alho. Quando estiverem dourados, despeje o arroz na panela e frite por 2 minutos.

    Acrescente duas xícaras de água fervente e deixe cozinhar com a panela semi-tampada, em fogo baixo, por 10 a 15 minutos, ou até que a água seque. 

  2. Quando o arroz estiver pronto, acrescente o leite e deixe ferver. Acrescente a noz moscada (eu costumo ralar na hora) e uma pitada de sal. Não exagere pois ainda vai entrar o queijo muçarela e parmesão, que são mais salgadinhos.

  3. Quando levantar fervura, é hora de colocar a muçarela (picada, pra derreter mais fácil) e o parmesão. Importante: não use parmesão de pacotinho! Fica muito mais saboroso se você usar o parmesão verdadeiro. 

    Mexa bastante, pra que o queijo não grude no fundo da panela.

  4. Por fim, acrescente o creme de leite e misture. Aproveite pra corrigir o sal (caso ainda precise) e tá pronto.

    Sirva logo em seguida pois depois que esfria não fica tão legal.

Tem quem curta colocar champignon no arroz à piamontese. Eu não tinha aqui em casa e ignorei esse detalhe da receita. Mas caso você curta ou faça muita questão, é só fatiar alguns cogumelos bem fininhos e colocar juntamente com o creme de leite, na etapa final do preparo.

Essa receita é ótima para reaproveitar o arroz que tá dando mole na geladeira, viu? Claro que você vai ter que ajustar as quantidades de leite, queijo, creme de leite… Tenha em mente que 1 xícara de arroz cru acaba virando umas 3 xícaras de arroz cozido, mais ou menos.

Obviamente, sugiro que você saboreie esse arroz acompanhado de alguma carne ensopadinha. Minha sugestão é o picadinho na cerveja Mas você pode comer como bem preferir. Ah, se sobrar alguma coisa pro dia seguinte, basta esquentar com um pouco de leite que a textura fica maravilhosa novamente.

Raquel Arellano

Fã de cozinha prática e feita com amor. É apaixonada por maionese, pão com ovo e carne assada. Na cozinha, se aventura pelos doces e salgados, com uma leve queda para os açúcares da vida.

Últimos posts por Raquel Arellano (exibir todos)