Pães, Saudável

Pão Integral na Máquina de Pão

Existem muitas receitas de pão integral circulando pela internet, e também em algums livros. Aqui no blog mesmo tem algumas publicadas, mas ainda não era aquele pão clássico, parecido com os que a gente encontra no supermercado (e que não chegam a ser tão saudáveis assim porque sempre rola um ingrediente meio esquisito e tal). Eu queria um pão caseiro, sem conservantes. E eu também queria colocar a máquina de pão pra trabalhar, afinal não é enfeite. Então busquei por “pão integral na máquina de pão” e resolvi testar. Foi assim que encontrei um dos melhores pães caseiros que já comi.

A receita é específica para máquina de pão. Ainda não fiz o teste sovando na mão e assando no forno convencional por isso não saberia passar as instruções (tempo de descanso da massa e forno). Mas eu prometo que farei um teste em breve. Fiz uma leve adaptação na receita original, que peguei no blog Máquina de Pãodo querido Maurício Rodrigues. Pode fazer sem medo que é sucesso garantido.

Pão Integral na Máquina de Pão

Pão Integral na Máquina de Pão

Receita levemente adaptada do Máquina de Pão

Ingredientes

  • 1 + 1/8 xícaras de água morna (não é água fervendo, é morna)
  • 2 xícaras de farinha de trigo integral
  • 1 + 1/2 xícaras de farinha de trigo branca
  • 1/3 xícara de óleo (uso óleo de girassol)
  • 3 colheres de sopa (rasa) de açúcar
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 ovo
  • 1 colher de chá de canela (opcional)
  • 1 colher de sopa (rasa) de linhaça dourada
  • 3 colheres de chá de fermento biológico seco (menos de 1 sachê de 10g)

Modo de Preparo

1. Separe os ingredientes antes de começar a receita. Dessa forma, você garante que tem todos os itens na despensa antes de colocar a mão na massa. PS: deixe a farinha de trigo branca por perto (explicação abaixo).

2. Retire a forma da máquina e coloque os ingredientes na ordem listada. É importante que o fermento seja o último ingrediente.

3. Na sua máquina, selecione o modo “pão integral” e se houver a opção, “casca média” (minha máquina é a Multi Pane da Britânia). Dá mais ou menos 3h40 de processo.

4. Nos primeiros 30 minutos, acompanhe a textura da sua massa. Pode ser que, dependendo do tamanho do ovo, da umidade, qualidade da farinha, sua massa fique um pouco mais pegajosa. Caso isso aconteça, acrescente farinha aos poucos (1 colher de sopa rasa por vez) até perceber que a massa está um pouco mais firme.

Dica: quando terminar de sovar, salpique farinha extra ou fubá por cima, pra deixar seu pão mais bonito quando terminar de assar. Pode acrescentar granola ou flocos de aveia também (ou outro grão de sua preferência).

5. Quando a máquina terminar o processo, espere uns 30 minutos antes de tirar o pão da forma.

Pra conservar, sugiro fatiar e armazenar em saco de papel por até 3 dias. Pode congelar também, depois de asado (embale em plástico filme e em pote hermético).

Pão Integral na Máquina de Pão

Rendimento: pão de 600 gramas

Raquel Arellano

Fã de cozinha prática e feita com amor. É apaixonada por maionese, pão com ovo e carne assada. Na cozinha, se aventura pelos doces e salgados, com uma leve queda para os açúcares da vida.

Últimos posts por Raquel Arellano (exibir todos)

  • Silvia Monica

    Raquel, adorei o gosto do pãozinho!!! só tenho umas duvidas, ele murchou no centro. ;( …. depois não ficou tão consistente com um pão normal, acho que falta um pouco de cola!! rsrs. … obrigadaaaa

    • Oi, Silvia!

      Acredito que tenha faltado um pouco de farinha. Como expliquei na receita, é importante ficar de olho na primeira meia hora porque, dependendo do clima, da farinha, do ovo… pode ser que você precise ajustar a quantidade de farinha. O ideal é sempre irmos de “pouca farinha >> ajuste” porque não queremos um pão-pedra, né?

      Assar pão requer um pouco de carinho e cuidado, a gente precisa ficar de olho, entender como o processo funciona. Tenta mais uma vez, prestando atenção nessa primeira etapa. Te garanto que vai funcionar!