Viagem

PLANT: Paraíso Vegano na Cidade do Cabo

Acabo de retornar de férias, depois de 10 maravilhosos dias na África do Sul. Como a Carol Moré contou aqui uns tempos atrás, a Cidade do Cabo é um lugar realmente surpreendente! São tantas misturas de povos, que na culinária não poderia ser diferente.

A alimentação sul-africana é bastante baseada em carnes. Ser vegetariano só fica fácil se você estiver na Cidade do Cabo ou se puder cozinhar sua própria comida.

Sempre que viajo, consulto o site e aplicativo Happy Cow pra descobrir os restaurantes vegetarianos, veganos e os “normais” com opções veg em cada cidade. Na Cidade do Cabo, eu TINHA QUE conhecer o restaurante PLANT. Todos os vegetarianos estavam falando muito bem dele e eu precisava conferir de perto.

plant1_gordelicias

plant2_gordelicias

A localização é ótima: a uma quadra de uma das principais ruas da cidade – a Long Street e o restaurante é super modernoso e bonito. A decoração é simples, com vasinhos de temperos nas mesas. O cardápio está escrito nas paredes e em pranchetas e os doces ficam na altura dos olhos, pra dar aquela vontade de provar tudo!

plant3_gordelicias

plant7_gordelicias

Como eu provavelmente só faria uma refeição ali, pedi recomendação ao garçom. Tudo lá é vegano, então não teria que fazer muitas perguntas sobre os ingredientes. Fui de hambúrguer de cogumelo com maionese picante e salada… E torta crua de chocolate, pra uma experiência completa. Escolhas MARAVILHOSAS.

plant4_gordelicias

plant6_gordelicias

Ainda aproveitei pra provar chips de couve sabor “queijo”. Achei muito estranho. Ainda prefiro os de algas que encontro nos mercados naturebas do Rio mesmo.

plant5_gordelicias

Os pratos são tão saborosos, que mesmo os não veganos vão gostar. Se estiver na Cidade do Cabo e quiser provar uma refeição deliciosa e saudável, lembre-se do PLANT!

Ah! O atendimento é bacana e eles aceitam cartão de crédito.

Raquel Loback

Especialista em viagens, crafter, propagadora de amor, esmagadora de felinos e cozinheira vegetariana. Ama internet, mas não ama computadores. É do tipo que ainda escreve cartas e sonha em conquistar o mundo.

Últimos posts por Raquel Loback (exibir todos)