Conversinhas, Especial, Gordelícias Convida

Naked Cake: conheça essa novidade

naked1

E só se fala nos Naked Cakes. Nas revistas de casamento, no Pinterest, no aniversário da Ana Maria Braga… Lá estão os bolos sem glacê, ganache ou pasta americana. O bolo é servido assim, “pelado”, sem a tradicional decoração que reveste a massa assada. No lugar da cobertura, o bolo recebe frutas, açúcar polvilhado… E uma boa dose de recheio, que transborda entre cada camada de bolo. Só de descrever esse bolo eu já fico com a boca salivando… É lindo demais!

Ainda não entendeu do que se trata. A gente te mostra uma foto:

Naked cake - os bolos da Betah 5

E mais algumas…

Naked cake - os bolos da Betah 2Naked cake - os bolos da Betah 3Naked cake - os bolos da Betah 4

Desejei cada morango dessas fotos! Mas ei, pera aí: se você pensa que o post fica apenas em imagens lindíssimas, nahhhh, fomos conversar com quem entende do assunto. Batemos um papo com a querida Betah Nahuz, que já apareceu por aqui nesse post. Ela conta pra gente por que esse bolo tem feito tanto sucesso entre as pessoas.

***

No comecinho do mês, foi exibida uma matéria no programa “Mais Você” sobre a tendência dos Naked Cakes. Isso criou um burburinho no meio da decoração artística e ampliou os pedidos aqui no Os bolos da Betah! Até pedido emergencial de terça para sábado para um 15 anos recebemos.

Para fazer um Naked Cake, o bolo precisa estar impecável. Afinal de contas, não tem qualquer cobertura (o que geralmente é a melhor propaganda para um profissional de bolos). O naked cake esta ali, nu e “cru” para todos enxergarem, do corte da massa ao recheio que deve transbordar sutilmente, a vivacidade das frutas e isso não permite qualquer defeito!

Definitivamente eles estão no topo! Virou o queridinho do momento e nós estamos amando! É extremamente prazeroso ver a reação das pessoas ao se depararem com um de nossos Naked Cakes finalizados. As pessoas estão acostumadas a ver um bolo modelado com fondant (massa ou pasta americana, que são lindos e nós também amamos fazer), daí se deparam com um bolo de frente, bolo “de bolo” e recheios sem cobertura, onde a decoração é geralmente feita com intensidade de vistosas frutas vermelhas, pronto, as pessoas simplesmente enlouquecem! É como se aquele recheio escorrendo e as frutas vermelhas despertassem um desejo mesmo, no melhor estilo: Preciso comer esse bolo agora! Abre o apetite, mexe com a mente das pessoas. É impressionante o resultado!

Essa moda chegou ao Brasil há uns dois anos, diretamente dos EUA. Resolvemos aderir para ver como ficava essa ideia na prática. Fizemos bolos “test drive”, afinal de contas por aqui faço e invento tudo (ou quase tudo) sozinha. As receitas são tradicionais de família e adapto para cada tipo de bolo. E… no caso do Naked Cake, quanto mais personalizado, melhor.

Naked cake - os bolos da Betah 6

Para preparar o bolo, é necessário ter uma atenção especial. A massa deve ser mais consistente do que as que usamos com frequência para os bolos modelados em fondant, a escolha das frutas também é muito importante (são elas que farão a diferença em termos de ornamentação).

Cada encomenda de Naked Cake tem uma característica especial, eles são tratados como únicos. Tudo tem de ser pensado de acordo com o pedido, pois há necessidade de trabalharmos os recheios com as massas devido a sustentação do bolo. Quando solicitam recheios mais fofos, optamos por finalizar o bolo no local do evento, assim garantimos uma montagem perfeita sem risco de queda no transporte.

A procura tem aumentado a cada mês, dos pequenos aos de grande porte. Vida longa aos naked cakes!

***

E aí, curtiram esse bolo lindo e diferente? Só de ver as fotos, desejei um bolo desses no meu casamento! 

Imagens: Pinterest e Os Bolos da Betah.

 

Raquel Arellano

Fã de cozinha prática e feita com amor. É apaixonada por maionese, pão com ovo e carne assada. Na cozinha, se aventura pelos doces e salgados, com uma leve queda para os açúcares da vida.

Últimos posts por Raquel Arellano (exibir todos)